Distanciamento social: cuidando das emoções



Equipe de Psicologia da SORRI-BAURU dá dicas para atravessar o enfrentamento à pandemia da Covid-19


A crise do novo coronavírus está causando estresse na população de uma forma geral. A preocupação gira em torno da saúde, da economia, da vida social, dos empregos e, principalmente, a preocupação com as pessoas que amamos.

Trata-se de uma situação de incerteza, por perdemos a sensação de controle sobre nossas vidas, gerando naturalmente a ansiedade e o medo. Esses são sentimentos comuns, ligados ao nosso instinto humano de autopreservação, por isso, quando em doses pequenas, nos ajudam a nos preservar e nos cuidar. Porém, quando em exagero, esses sentimentos podem se transformar em pânico e angústia. Por isso nós, da SORRI-BAURU, queremos dar dicas para atravessar a pandemia com mais qualidade de vida:

Controle o acesso à informação sobre o coronavírus e verifique a veracidade das informações que recebe: as informações são necessárias, mas quando falsas ou em excesso podem intensificar nossos sentimentos negativos.

Pare e se escute: procure atividades que tragam prazer. Os exercícios físicos são fortes aliados. Mantenha uma rotina de sono e de alimentação saudável. Entenda que em alguns dias os sentimentos não vão ser os melhores, mas mesmo assim está tudo bem! Não se culpe por isso.

Espalhe histórias positivas: procure acompanhar histórias em que as pessoas se recuperaram da Covid-19 e também outras histórias positivas que lhe agradam;

Pratique e fique próximo da solidariedade: procure ajudar quem precisa e aceite ajuda de quem lhe oferecer.

Aproveite o tempo que está vivendo: com a redução das tarefas, use o tempo livre para ler um livro que sempre quis, arrume e organize os armários e aqueles cantinhos esquecidos da casa - podemos obter memórias maravilhosas através da reorganização. Procure atividades que gerem emoções positivas.

Cuide das pessoas que você ama: aproveite que o momento pede reclusão e cuide dos familiares que estão morando na mesma casa, reorganize a rotina, repense os pontos que podem ser melhorados, use o tempo para o crescimento familiar e emocional.

Fique em casa e lembre-se que é um momento difícil, mas que ele vai passar: temos muitas pessoas cuidando e se preocupando para que tudo se resolva o quanto antes.

Se mesmo assim, sentir que está difícil manter o autocontrole e o equilíbrio emocional, procure ajuda.



SUA DOAÇÃO É IMPORTANTE para a manutenção dos atendimentos da SORRI-BAURU
É possível doar por cartão de crédito, sabia?

Clique aqui para doar R$ 15

Clique aqui para doar R$ 20

Clique aqui para qualquer outro valor ou assinatura

 

Nossas mídias sociais (clique para acessar):

Facebook
Instagram
LinkedIn
Twitter


Arte: Rafael Nakaoka/SORRI-BAURU


Galeria de fotos